“Todas as crianças são artistas. O problema é como permanecer artistas quando crescemos”.

Pablo Picasso

Vamos pegar carona nesse pensamento de Picasso para poder introduzir o assunto chave deste post: os principais bloqueios criativos encontrados em uma oficina criativa.

E para isso, é importante entendermos um pouco sobre o que é um BLOQUEIO.

Bloqueio é um entrave, uma resistência, uma obstrução, uma barreira, um impedimento. Algo que nos impede de fazer alguma coisa.

O bloqueio criativo é a barreira ou entrave que nos impede de entrar em contato com o nosso potencial criativo, em acessar a nossa criatividade.

E essas barreiras e impedimentos vamos conquistando ao longo da vida, como bem resumiu Picasso em sua frase célebre no início deste post.

Quais são os principais bloqueios que encontramos em uma Oficina Criativa?

Essas barreiras podem vir tanto dos participantes de uma Oficina quanto do próprio facilitador que inconscientemente luta com cada um deles para assim aplicar a proposta criativa com o grupo que trabalha.

Vou listar aqui os quatro maiores bloqueios que podem ser ramificados e segmentados por faixa etária (crianças, adolescentes, adultos e idosos) ou por técnicas artísticas (desenho, pintura, escultura, modelagem, material reciclável…). Mas esse papo bem específico e mais profundo detalho minuciosamente no meu treinamento online Oficina Criativa para Profissionais.

Aqui no post vou ser mais objetiva e abrangente para você entender genericamente o topo dessa cadeia de bloqueios criativos. 😉

1. Não estar costumado com a Arte ou com a brincadeira. Não ser usual no seu dia a dia

Quando uma pessoa (um participante ou facilitador) não tem o contato com o espaço criativo em sua vida, se sente mais distante deste universo. A arte ou o lúdico se tornam desconhecidos.

Em nossa educação formal vamos perdendo o contato com o lúdico conforme avançamos na grade curricular. Os espaços de criação são preenchidos pelas formalidades e disciplinas “necessárias” para o mundo adulto.

Por isso, é natural que a maioria de nós não tenha familiaridade com esse espaço critaivo, lúdico, de descontração e brincadeira. Assim, criamos barreiras para entrarmos de novo nesse ambiente e no relacionamento com a arte e com a nossa essência criativa, pois já não nos sentimos mais pertencentes nesse universo.

2. Arte ou a Criatividade são dos artistas. Pertencem ao museu, não pertencem ao meu mundo. São para quem tem habilidade.

Como disse anteriormente, com o passar dos anos vamos nos distanciando do mundo lúdico e criativo. Ele não é tão natural para nós quanto era quando éramos pequenos. Essa barreira com o lúdico cria uma crença em nós de que só quem é criativo ou saber fazer arte é artista. Sim, porque os artistas buscaram esse espaço em suas vidas. Então, vislumbramos e acreditamos em uma falsa realidade de que o mundo criativo e das artes é só deles. O nosso contato está na visitação em Museus. Nós literalmente colocamos esse lado lúdico e criativo num “aquário”, para observar e não sentir, experimentar.

3. Eu não sou criativo!

Essa é uma crença, uma barreira, que fortalece todas as outras. Acredito ser a camada mais externa dos dois bloqueios anteriores. Parece que temos receio em assumir nosso SER CRIATIVO.  É como se, ao dizermos isso, nos eximíssemos de toda responsabilidade. Jogássemos a toalha e afirmássemos a nós mesmos:

 não precisa se esforçar, pode continuar na mesmice, você não é criativo. Deixa isso para aquele seu primo ou colega que vive inventando moda por aí.

A verdade é que estamos certos. Triste, mas é. A sociedade atual não nos educa para sermos criativos, aliás, somos educados para acreditarmos que não somos criativos. Então, é natural pensarmos: Eu não sou criativo. Vou um pouquinho mais além, nas entrelinhas dessa frase para entender o medo que o SER CRIATIVO pode até invadir alguns de nós.

Ser criativo é poder fazer mudanças, é parar de reclamar para agir, é ser flexível, é ter solução mesmo quando o tempo está ruim. É viver a vida mais leve.

Por isso, é complicado, para a maioria, se assumir criativo, com certeza.

4. Cobrança e a não permissão de errar. Falso perfeccionismo.

Vivemos em um mundo com velocidade extrema e a pressão por não errar, por obter resultados. O acúmulo de conhecimentos e a alta performance e competitividade é muito interpretada por uma cobrança a não errar. Acertar de primeira, ser o primeiro e se destacar.

Com isso vem o estresse e um ciclo automático e vicioso da mente em cobranças, pré-julgamentos, senso crítico elevado e com tudo isso acúmulo de frustrações.

A carapuça do perfeccionismo nos afasta da criatividade, pois para criar é necessário cometer erros.

É errando que se cria. Se permitir a errar é ousar.

Precisamos “sair da caixa” ou “permanecer na caixa” produzindo coisas diferentes.

Entender sobre os bloqueios é compreender os condicionamentos mentais dos participantes de uma Oficina Criativa. É uma forma de poder preparar melhor o terreno dos encontros da oficina sabendo o que se passa no bastidor mental do grupo assistido.

Não excluo dessa análise os facilitadores da oficina. Acredito que somos melhores, presentes e autênticos em nosso trabalho de promoção da criatividade através da Arte quando nos autoconhecemos.

Tudo uma forma de como conseguimos prepara esse terreno para essas pessoas que já tem esse mental sobre criatividade e fazer artístico.

Por todos esses motivos estruturei no treinamento online Oficina Criativa para Profissionais manobras para driblarmos os bloqueios criativos, além de passar uma lupa minuciosa por cada um deles. 😉

Assista abaixo o vídeo  da LIVE! que fiz no Facebook na qual conversa mais um poquinho sobre Bloqueios Criativos. 😉

Participe da Aula Inaugural Gratuita TURMA 5 - Oficina Criativa Profissionais

Vem conhecer todos os benefícios de uma Oficina Criativa e saber como montar sua própria Oficina na Aula Inaugural da Turma 5 do meu treinamento online Oficina Criativa para Profissionais.

Será online e gratuita, no dia 11/06, as 19h.

Essa é uma oportunidade única para você, que é arteterapeuta, arte educador, professor, voluntário ou profissional que deseja trabalhar com Arte e aprender a ativar a Criatividade e a Autoestima de crianças, adolescentes, adultos ou idosos, construindo sua Oficina Criativa, junto comigo. 🙂

Clique no botão abaixo e participe gratuitamente. ⤵️

Participar!

Gostou desse post? Então compartilhe com os amigos e deixe aqui seu comentário.⤵️

Facebook Comments